"If you always do what interests you, at least one person is pleased" Katharine Hepburn

Vaidade?! O meu Pecado favorito... Lux


quarta-feira, 12 de outubro de 2011

As aventuras de Miss Lux na escolinha


Não sou, nem nunca fui, uma pessoa dotada de espírito académico.
Nunca o tive, nem quando aos dezoito anos entrei para a faculdade, muito menos agora que já passei os trinta, e se na altura tinha a mínima paciência para a coisa, agora esta é nula.
A diferença é que agora estou lá por um simples motivo: fazer o curso de assentada, com a melhor média possível, trazer o diploma e seguir com a minha vidinha.
Existe um propósito.
Todas as aulas são importantes, o tempo para estudar escasseia, por isso, não contem comigo para vestir uma capa (sim, basta-me capa) e andar por aí aos berros com pessoas que nunca me foram apresentadas e que, na sua maioria, não faço grande questão de conhecer.

Pois a minha faculdade lembrou-se de transformar o próximo dia 20 no dia de "acolhimento ao caloiro" ou lá o que é e que terá durante o dia (altura em que trabalho) actividades lúdicas e acima de tudo bastante intelectuais, como campeonato de matraquilhos (?!), a ditadura da praxe e afins...
No geral tudo isto me passa ao lado, eu tenho mais que fazer durante o dia, como trabalhar e contribuir para o crescimento do País, mas à noite é feito um jantar de acolhimento aos novos alunos.
Até aqui tudo bem, quem quiser e tiver tempo, paciência e gosto por estas coisas que vá, que eu cá sou uma pessoa bastante democrática e não me incomoda minimamente.
Agora termos um dia inteiro sem aulas diurnas e nocturnas por causa desta palhaçada é que não me agrada nadinha.
Que durante o dia não tenham aulas e andem para lá nas suas actividades lúdicas, uns a correr aos berros, outros com orelhas e burro e penicos na cabeça, outros integralmente vestidos de negro e a caírem de bêbados enquanto põem miúdas a chorar de desespero (minhas queridas, também ninguém vos obriga a sujeitarem-se a isso!) e outros entusiasmados com o campeonato de matraquilhos (sim, essa actividade de grande interesse e que eu pago com as minhas propinas...) tudo bem, agora que eu vá perder 5 horas de preciosas aulas à noite por causa disto é coisa para me deixar bastante irritada.

Existe uma grande diferença entre os alunos do dia e os da noite.
Nós só temos um propósito e uma razão que nos leva diariamente para lá depois de um dia de trabalho e parece-me que a direcção da faculdade ainda não percebeu isto lá muito bem e quer dar dispensa de todas as aulas nesse dia.
Os dois professores que nesse mesmo dia dão aulas compreendem e até preferem dar a matéria mas estão dependentes que a directora permita, ou não, que o façam.

Ora eu não ando aqui a pagar uma pipa de massa numa faculdade privada e em livros, a passar por noites mal dormidas e fins-de-semana a estudar para isto.
Por isso, ou a senhora que rege a instituição tem um laivo de bom-senso após ouvir o ponto de vista dos professores, ou bem que aqui a Miss Lux vai, com todo o seu direito, pedir o livro de reclamações da entidade e explicar isto como se o resto do povo fosse assim para o muito burro...

Ah pois é...!

xoxo
Lux

8 comentários:

Sílvia Maria disse...

Também sou como tu, nada académica.

Bárbara Silva disse...

- pois, eu tenho saudades das roupas quentinhas :C

cereja disse...

Omeu cerebro parou quando disseste que tens mais de 30...30 anos?! Nunca calculei. Espirito jovial para aqui! :D Quanto às praxes,é melhor eu não falar muito que eu sou toda a favor e andei lá no meio a ser praxada e apraxar. No entanto, respeito o teu ponto de vista e sei bem o peso que é estudar numa privada e faltar a aulas. Por isso, espero que as aulas à noite se realizem :)

Palavra Já Perdida disse...

Nós tinhamos praxe e aulas. Tinhamos direito a chegar atrasadas, mas só !
Isso das praxes é uma grande lata e eu também andei na privada..e havia lá mt boa gente que só andavam a gastar o dinheiro dos papás, é o que é !

...Ju... disse...

pois... gastar o dinheiro dos outros no forró é muito fácil!

Nokas disse...

O espírito é completamente diferente...entendo bem o que queres dizer!

Drinha disse...

O ano passado tbem fui tirar uma pós gradução e confesso que não tinha paciência para depois de um dia de trabalho andar com espirito academico!E estou contigo nessa reclamação :)

Claudia disse...

Eu espirito académico também não é comigo... enfim! E andar a pagar para ver os outros na festa e nos copos, faço logo umas trombas!!